/ calgary

Comprando um carro em Calgary

Desde que nos mudamos para Calgary tentamos fazer quase tudo sem carro. Quando precisávamos de um usávamos o car2go que era não só extremamente conveniente mas também mais barato do que ter um carro próprio.

Porém após descobrirmos que seríamos pais começaram as visitas frequentes a médico, clínicas de ultrassom e afins, e com isso o car2go deixou de ser tão conveniente e também passou a custar mais caro, ao ponto de considerarmos comprar um veículo próprio.

Pesquisa de mercado

Em Dezembro de 2016 começamos a pesquisar diferentes modelos de carros usados até encontrar algum que nos agradasse. Para isso usamos um aplicativo chamado AutoTrader que tem diversos filtros e te permite fazer buscas bem detalhadas, como por exemplo "carros automáticos fabricados a partir de 2014 custando até C$15.000,00 com menos de 60.000km...".

A partir dessa filtragem inicial, você pode conferir as fotos e o aplicativo também mostra análises de preço com base em outros anúncios (preço ótimo, bom ou acima da média) e também das condições de uso com base na idade do veículo (por exemplo 40.000km pode ser considerada uma kilometragem baixa pra um carro de 2014 mas se for um carro do ano passado já é muito rodado).

Além disso a maioria dos anúncios já te apresenta o relatório da CarProof que mostra o histórico completo do veículo, desde onde foi fabricado, todos os registros do veículo (se teve múltiplos donos), histórico de acidentes e solicitação de seguro, se o modelo teve algum recall pela fabricante, histórico de serviços feitos no veículo e etc.

Aqui da pra ver um exemplo de como é esse tal relatório:

carproof

Depois de algumas semanas pesquisando encontramos alguns anúncios que nos agradaram e estavam no orçamento. Resolvemos ir visitar um deles e fazer um test drive.

Como só tínhamos o final de semana para fazer isso acabamos filtrando ainda mais os anúncios selecionados pra apenas aqueles que estavam abertos no finais de semana.

O primeiro da lista era um Elantra 2014 que estava anunciado por C$11.000,00, fomos num domingo até a Progressive Leasing & Auto Sales para ver e testar o carro e acabamos gostando bastante.

IMG_6858

Fechando o negócio

Depois de fazer o test drive decidimos fazer uma oferta no mesmo dia, negociamos quais seriam as condições de pagamento.

No nosso caso demos 30% do valor de entrada e financiamos o restante, e deixamos $500 de depósito (que já seria parte da entrada) pra iniciar o processo de compra.

A partir daí já se faz um rascunho da Bill Of Sale que é o documento usado pra transferir a propriedade do veículo. Se por algum motivo não tivéssemos o financiamento aprovado esse depósito seria devolvido e o negócio não seria concluído.

Financiamento

Para o financiamento deixamos uma autorização para consulta ao nosso histórico de crédito - no Canadá existem duas agências de crédito que mantém dados históricos do teu perfil, são a Equifax e a TransUnion, mais detalhes sobre o histórico de crédito fica para outro post.

A própria revenda entrou em contato com diversos bancos para encontrar a melhor opção de financiamento.

Como era final de semana eles não conseguiriam fazer isso no mesmo dia. Na manhã seguinte já nos ligaram dizendo que tinham obtido algumas opções de financiamento, e no nosso caso a melhor opção foi pelo TD Bank, que é onde já tínhamos conta bancária (talvez por esse motivo ou por pura coicidência).

Registro e Seguro obrigatório

Um detalhe interessante aqui no Canadá (em Alberta especificamente, não sei se é em todo Canadá - quem tiver essa informação por favor me passe) é que a placa do veículo na verdade pertence ao motorista, ou seja, quando o veículo é vendido a placa é retirada e o novo dono tem que re-emplacar.

27708259_10215609241013656_10005395_o

O registro é feito nos "cartórios" daqui - Registry Services - e pra isso é necessário o documento de venda (Bill of Sale) bem como o comprovante válido de seguro (chamado de "pink card").

O seguro obrigatório, diferentemente do Brasil, deve ser contratado com uma seguradora da tua escolha e só então é possível fazer o registro. E como já diz o nome: ele é obrigatório, todo mundo precisa ter.

Quando o carro é financiado, o seguro do carro deve ser o completo, que cubra pelo menos danos de 1 milhão de dólares.

Fizemos cotação com algumas seguradoras e acabamos fechando com a TD Insurance. O contrato foi finalizado por telefone mesmo e em alguns minutos já nos enviaram o comprovante ("pink card") por email.

Com esses documentos em mãos fomos até um Registry que ficava do lado do nosso apartamento antigo, o New Urban Registry e finalizamos o registro do veículo.

A taxa pra registro é de C$84,45 válida por um ano. Além disso tivemos que pagar C$22,45 pela placa, pois não tínhamos uma. Saímos do registro com a placa e os documetnso em mãos, fomos até a revenda, colocamos a placa e saímos de carro.

UNADJUSTEDNONRAW_thumb_ff0

Toda essa burocrcia em pouco mais de 24 horas.

Quem pode comprar carro?

Todo mundo pode comprar um carro aqui: desde que tenha dinheiro.

A questão toda é que pode ser difícil conseguir financiamento sem histórico de crédito quando se é turista ou se tem apenas visto de trabalho. Mas nada proíbe um visitante de comprar um carro aqui, desde que se tenha um comprovante de endereço.

Já escutei de várias pessoas a questão: mas eu não sou residente permanente. Não precisa ser. O residente permanente, provavelmente, já possui histórico de crédito e por isso é mais fácil conseguir financiamento. Mas nada impede que alguém adquira um carro tendo dinheiro.


Captura-de-Tela-2018-02-03-a-s-1.10.05-AM


Não deixem de curtir a página do blog no Facebook e no Instagram e de acompanhar o nosso canal lá no YouTube.

Por lá eu escrevo várias dicas sobre a cidade de Calgary, AB, Canadá, onde eu moro atualmente e outras dicas sobre o Canadá. E se você gostou desse post, não deixe de compartilhar.

E claro, não deixe de sugerir novos temas pro blog. Eu vou adorar conversar e escrever mais sobre o assunto que vocês queiram saber sobre a cidade de Calgary em geral.

Até o próximo!