De bem com a Vida

Thoughts, stories and ideas.

O Canadá quer (mesmo?) os brasileiros?

Oioi people!

Eu tenho visto muitos compartilhamentos de notícias no facebook sobre "O Canadá quer os brasileiros", "Canadá procura pessoas fluentes em português", "Está mais fácil imigrar para o Canadá", etc. Será mesmo?

Eu li um texto muito legal e completo do autor Fábio Santos em março de 2016. E ele fala exatamente sobre isso. Você costuma clicar nesse tipo de notícia e compartilhar? Desculpe, mas pare. Isso não é verdade.

Todas as notícias a esse respeito não correspondem com a realidade dos fatos. As notícias são sempre com relação a região de Quebec, ou seja, essas notícias são patrocinadas pelo governo de lá.

Em Quebec a língua oficial é o francês. Você conhece alguém que fale francês fluentemente? Eu não. E se você conhece, é meia dúzia de gente.

"O estado (província) de Quebec, que têm cidades como Quebec e Montreal, além de ter um histórico separatista, possui suas próprias leis. Muitas vezes muito distintas do resto do país, como por exemplo, as leis de imigração."

Fábio fala uma coisa que é verdade: "o processo para imigração para Quebec é extremamente diferente do de quem quer imigrar para qualquer outro estado do Canadá." Eu nem vou citar como funciona esse processo, porque se você não fala francês, esquece.

O Quebec só quer as pessoas que falem o francês fluente. Pode ser brasileiro, americano, argentino, chileno e etc, o que for. Mas você tem que falar fluentemente a língua deles.

Assim, eles só estão procurando profissões bem específicas, como por exemplo engenheiros eletrônicos e biólogos, mas todos precisam de francês fluente (profissões anunciadas nesse tipo de notícia).

Fábio ainda faz um questionamento sobre os anúncios de que o Canadá está procurando pessoas que são fluentes em português, que vale a pena pensar sobre: Por que?

Pensem bem gente, existem poucos lugares onde nossa língua é falada, não faz sentido querer brasileiros fluentes em português. O autor ainda faz um comentário sobre a área dos telemarketings internacionais: Eles costumam ficar em países como a Letônia ou Índia, em razão do baixo custo. Não aqui no Canadá. Sendo assim: apenas mais uma notícia "enganando" - induzindo ao erro e a esperança de algo que não existe - as pessoas pra ganhar cliques e compartilhamentos.

Quando o Governo Federal do Canadá se pronunciar sobre isso, aí podemos considerar acreditar.

Com relação aos demais processos de imigração: eles são reais. Aquele que você preenche os formulários e espera um tempo até ser chamado. Levando em consideração a idade, escolaridade e diversos outros pontos. Não o português. Sinto muito.

Se você quiser ler o texto do Fábio, que é bem completo e foi a inspiração para esse post, você pode clicar aqui.

Mais uma coisa: Qual o motivo desse post? Muito simples: procurem se informar sobre o que vocês compartilham por aí. Pensem bem, procurem informações reais sobre o assunto imigração, façam pesquisas. Eu tenho feito muitas pra poder escrever pra vocês sobre esse assunto. Vale a pena ter em mãos uma informação real.

Até a próxima! E não deixe de curtir a página no Facebook, de seguir no Snapchat (marianabday) e no Instagram. Por lá eu escrevo várias dicas sobre a cidade de Calgary, AB, Canadá, onde eu moro atualmente e outras dicas gerais e aleatórias sobre o Canadá.