/ calgary

SHOKUNIN - Minha experiência no restaurante do CHEF DARREN MACLEAN - The Final Table do Netflix

Tudo começou em uma segunda-feira à noite quando uma amiga me comentou que o marido dela estava assistindo a um programa novo na Netflix - The Final Table. Eu, como sou apaixonada por programa de culinária do estilo "Master Chef", resolvi olhar.

Captura-de-Tela-2018-12-20-a-s-9.13.06-PM

Resultado: Em 2 noites eu havia terminado de ver todo o programa. Primeiro eu fiquei super empolgada em ver um brasileiro no programa. Um cara simpático, humilde e que faz pratos incríveis.

Chef-Rafael-Gil-from-HK-The-High-Table-Netflix-

Adorei ver uma das Chefs mais bem conceituadas do Brasil - Helena Rizzo, dona no Mani em SP, fazendo parte de um dos episódios.

Captura-de-Tela-2018-12-20-a-s-9.08.19-PM

Mas logo no início do programa já veio a maior das minhas surpresas: Um chef canadense. De CALGARY!

Captura-de-Tela-2018-12-20-a-s-9.07.21-PM

Eu fiquei tão feliz de conhecer a história dele, de vibrar com as vitórias dele no programa e de me encantar com cada prato que foi idealizado por ele e pelo Chef americano.

Captura-de-Tela-2018-12-20-a-s-9.06.55-PM

Darren Maclean é dono do Shokunin, um restaurante japonês que fica na 4Street SW aqui em Calgary. O restaurante dele é considerado um dos 50 melhores do Canadá por mais de dois anos seguidos. A ideia dele é entregar comida local para os seus clientes e sem desperdício. Ele usa absolutamente tudo na cozinha.

É praticamente o único restaurante de Calgary onde você come espetinho de coração de galinha! (Os amantes de um bom galeto e coraçãozinho irão entender minha felicidade)

Os frangos são abatidos no dia e absolutamente tudo é utilizado na cozinha. Eles também tem pratos vegetarianos - o que me agradou muitíssimo.

Começamos com uma entrada de sashimis de peixes locais - o que foi uma surpresa muito agradável. Eu simplesmente amei todos os sashimis que comemos e fiquei maravilhada com a textura desse camarão que eu não sei explicar como foi feito.
48423317_335835840343095_5142932202601840640_n

Em seguida nós pedimos um ramén pra provar, espetinhos de galinha, gyoza de língua de boi (que meu deus do céu), um peixe frito, duas peças de Toro Niguiri (que é a barriga do atum branco e é uma parte extremamente nobre e deliciosa - parece uma manteiga derretendo na boca) e sashimi de lagosta ao final (que me deixou chocada de tão saboroso!).

48385724_340921756731582_912945678731182080_n

48397252_2020656504686183_4650752409591611392_n

48403575_1980928218877820_387191718346227712_n

48414183_2285260388376472_3484661195225432064_n

50541995_1425695700900820_8157319256581603328_n

No final conversamos um pouco com o chef e ele nos contou várias coisas sobre os bastidores do programa - nós comentamos que a feijoada dele era SIM uma feijoada típica do Brasil e ele riu bastante. Ficou super agradecido de ter clientes brasileiros - já que em fevereiro ele está indo pro Brasil cozinhar no Mani com a Helena Rizzo (que agora é sua namorada!!). Tiramos uma foto e saímos maravilhados com os sabores e com a simpatia dele.

50539518_225223201617717_1656539547145601024_n

Que experiência incrível, super aprovado! Os preços são bem acessíveis também e dá pra fazer reserva pelo site.


Não deixem de curtir a página do blog no Facebook e no Instagram e de acompanhar o nosso canal lá no YouTube.

Por lá eu escrevo várias dicas sobre a cidade de Calgary, AB, Canadá, onde eu moro atualmente e outras dicas sobre o Canadá. E se você gostou desse post, não deixe de compartilhar.

E claro, não deixe de sugerir novos temas pro blog. Eu vou adorar conversar e escrever mais sobre o assunto que vocês queiram saber sobre a cidade de Calgary em geral.

Até o próximo!